5 Erros que todo Motorista de Aplicativo deve evitar

Todos os dias milhares de novos motoristas entram para o mundo dos aplicativos de transporte particular, como Uber, 99 e Cabify. O problema é que a maior parte deles nunca tiveram nenhum tipo de contato ou experiência com essa profissão e acabam cometendo erros que diminuem os seus lucros na mesma proporção que aumentam os prejuízos.

Não basta simplesmente ligar o aplicativo, aceitar as solicitações e levar os passageiros até os seus respectivos destinos. Na verdade, é precisar tomar alguns cuidados e, sobretudo, criar estratégias de posicionamento e horário, pois elas são os principais fatores para aumentar as chances de receber os melhores passageiros e viagens.

Mas, do que adianta estar por dentro das melhores estratégias e persistir em erros primários? Pensando nisso, reunimos na lista abaixo os 10 Erros mais comuns dos Motoristas de Aplicativos que você deve evitar comete-los, custo o que custar.

1. Correr atrás do Preço Dinâmico

O preço dinâmico é o resultado criado pela alta demanda de passageiros solicitando viagens ao mesmo tempo em um bairro, região ou quase em uma cidade inteira, como acontece nas vésperas do Natal e ano novo. Uma vez que ele esteja ativado, os motoristas passam a receber corridas com valores acima do normal.

Correr atrás do preço dinâmico pode ser um erro muito grave, pois as probabilidades dele sumir antes que você chegue são muito altas e, como consequência, perderá tempo e combustível desnecessariamente.

Sendo assim, ao invés de correr na direção das viagens com preços maiores sempre que elas surgirem, tente fazer anotações diárias sobre os locais e horários onde isso aconteceu. Com as anotações em mãos, tente se posicionar com antecedência nos bairros onde o preço dinâmico surgiu com maior frequência.

2. Não saber quando parar

Se você não fizer um planejamento adequado da sua carga horária de trabalho com base na demanda da sua cidade, certamente estará correndo um risco muito alto de não ganhar tanto quanto poderia, pois ao contrário do que se pensa, não é a quantidade de horas seguidas trabalhadas que determina a qualidade dos ganhos, senão o seu entendimento sobre como se aproveitar dos melhores horários.

Existem horários e dias da semana com maiores probabilidades de boas solicitações. Mas, de um modo geral, essa é a receita básica para iniciar bem:

  • Das 06:00 às 10:00
  • Das 12:00 às 14:00
  • Das 17:00 às 20:00

Essas são as faixas de horário onde você poderá obter as melhores oportunidades de viagens para aumentar os seus ganhos de segunda a sexta-feira.

3. Não cuidar do dinheiro em espécie

Os motoristas de aplicativo costumam acumular pequenas quantias em dinheiro ao longo do dia em decorrência de viagens que não foram pagas por meio de cartões de crédito ou débito. Por um lado isso é bom, pois dá ao motorista a possibilidade de resolver pequenos imprevistos financeiros. Mas, existem os pontos negativos também.

Quanto mais dinheiro em mãos, maiores serão as tentações de gasta-lo desnecessariamente, pois o fato de tê-lo no bolso ou na carteira cria-se a sensação de que a situação financeira no momento está muito boa, o que nem sempre é uma verdade levando em conta as despesas que ainda precisam ser pagas.

Além disso, manter no bolso ou na carteira uma alta quantia de cédulas pode representar um grande prejuízo financeiro em situações de roubo e furto. Sendo assim, evite estar com mais de R$ 50 em mãos e procure guardar o restante em um lugar seguro.

4. Não organizar os gastos

Do que adianta ganhar 6 mil por mês e gastar tudo? Ou do que adianta ganhar muito e gastar mais do que entra? Essas situações são recorrentes na vida de quem não organiza os seus gastos e deve ser evitada a qualquer custo pelos motoristas de aplicativo, principalmente os que trabalham com carros alugados ou financiados.

Quer alguns conselhos financeiros? Veja:

  • Antes de sair para trabalhar faça uma alimentação reforçada e evite tomar café da manhã, almoçar ou jantar na rua
  • Leve uma marmita, frutas e água para se alimentar ao longo do dia
  • Não abasteça com pagamento para 70 dias ou mais
  • Evite abastecer o carro no cartão de crédito
  • Reserve 30% de tudo o que você ganhar mensalmente para um fundo de emergência

Com exceção do último conselho (no caso de você estar endividado), todos os outros são simples e fáceis de serem seguidos. O maior trunfo dos motoristas bem-sucedidos não é ganhar muito, mas poupar o máximo que puderem para terem uma vida melhor futuramente, assim como terem condições suficientes para enfrentarem quaisquer imprevistos financeiros.

5. Trapacear

Nunca seja o tipo de motorista trapaceiro, pois além de estar submetendo outras pessoas ao prejuízo, você também estará correndo sérios riscos de ser expulso da Uber, 99 ou Cabify e nunca mais terá outra oportunidade de ganhar dinheiro com os aplicativos de transporte. Seria muito triste isso, não?

No artigo Motivos para sua conta Uber, 99 ou Cabify ser bloqueada nós fizemos uma lista com 50 tipos de atitude que podem ocasionar o banimento da sua conta. No nível de trapaças estão:

  • Forçar o passageiro a cancelar a viagem para ganhar a taxa
  • Iniciar a viagem antes do passageiro entrar
  • Continuar com a viagem aberta após o passageiro desembarcar
  • Cobrar pedágios por fora do aplicativo
  • Tentar aplicar golpes de localização, como o Treme Treme

Existem diversas outras formas de trapacear nos aplicativos além das que foram mencionadas acima, porém você deve evitar pratica-las a qualquer custo.

Achou útil? Compartilhe!