3 dicas infalíveis para evitar assaltos trabalhando de Uber

Trabalhar como motorista de aplicativo é uma excelente alternativa ao desemprego e também uma ótima forma de complementar a renda, porém tem se tornado uma profissão cada vez mais arriscada com números crescentes de roubos, furtos e até mesmo mortes. Infelizmente, é muito difícil mudar essa realidade, mas é possível diminuir os riscos.

A partir de pequenos cuidados e mantendo a atenção em que tudo o que acontece a sua volta, as chances de você ser pego desprevenido diminuem bastante e, sobretudo, lhe ajudam a criar novos hábitos de segurança que se adaptam aos bairros e garantem a você menor exposição ao perigo. Quer saber quais são esses cuidados? Veja a seguir.

1. Analise o bairro

Bairros afastados, comunidades à vista, becos e vielas em grandes quantidades são alguns fatores que podem indicar uma situação de menor segurança. Obviamente, isso não quer dizer que você será assaltado, mas que precisa redobrar a sua atenção, principalmente se estiver à noite.

Se puder, faça uma avaliação do local com nota de 1 a 5 – com base nos lugares em que você já esteve -, onde 1 significa muito perigoso e 5 muito seguro. Se você avaliar o bairro com nota 1 ou 2, digamos que o melhor a se fazer é encontrar um região que transmita mais segurança a você ou pesar na balança junto com as dicas abaixo se vale a pena prosseguir.

2. Analise a rua

Analisar a rua é um pouco mais complexo, pois muitas vezes você pode sentir a falsa sensação de segurança e estar diante de uma situação eminente de roubo ou furto. Por essa razão, ao se aproximar a 20 metros de distância do local onde o passageiro lhe espera, faça as seguintes analises:

  • O passageiro não está em frente a casa/espaço/prédio?
  • Existe algum carro suspeito no local?
  • Há movimentação estranha de pessoas próximo ao passageiro?

Se a resposta para essas perguntas for sim mantenha o máximo possível de atenção, pois embora tudo possa indicar algo suspeito, as vezes pode não passar de um pequeno engano nosso. Daí, a necessidade de seguir para a próxima etapa.

3. Analise o passageiro

Essa análise já começa pelo aplicativo, onde você deverá observar a nota que o passageiro tem no sistema. Por acaso é 5? Então, temos duas situações distintas: A primeira, trata-se de um passageiro muito bem avaliado; A segunda, trata-se da primeira viagem dela.

Evidentemente, é impossível concluir que o fato do passageiro ter 5 estrelas significa a possibilidade de um assalto, no entanto as chances disso acontecer aumentam conforme a confirmação das avaliações que você aprendeu anteriormente e, não menos importante, se a viagem é com pagamento em dinheiro.

Hipoteticamente, em um caso assim e levando em consideração que você tenha concluído que o bairro é perigoso e a rua também, assim como o passageiro ou a movimentação em volta dele é suspeita, o melhor a se fazer é cancelar a solicitação e procurar uma região melhor para trabalhar, conforme explicamos em Como ganhar mais dinheiro no Uber.

Achou útil? Compartilhe!