Taxa Variável de Preço Uber → Como funciona?

A Uber anunciou nesta segunda-feira (03/07/2018) uma mudança na forma como cobra à sua parte em cima do valor bruto de cada corrida realizada pelos seus mais de 500 mil motoristas. Essa não é a primeira mudança nas últimas semanas, pois recentemente a empresa também anunciou que já está disponível a opção de gorjetas para os passageiros agradarem, sempre que quiserem, os motoristas com valores a parte ao que é cobrado pela corrida.

Com a implementação da nova Taxa Variável de Preços a Uber extinguirá o antigo modelo que vinha praticando, onde eram cobradas taxas de 20% (UberBLACK) e 25% (UberX) sobre os motoristas. A partir de agora, as taxas flutuaram conforme o tempo, nível de trânsito e distância percorridos.

É importante ressaltar que a Taxa Variável de Preços será aplicada apenas sobre os motoristas e que nada mudará na forma como os passageiros pagam suas corridas, ou seja, o preço fixo exibido no aplicativo do usuário ao pedir uma corrida continuará.

Como a Uber cobrará dos motoristas?

Segundo as primeiras informações que tivemos acesso, a Uber passará a cobrar taxas entre 1% a 25% ou, dependendo do caso, acima dos 25% que vinha cobrando antigamente sobre os motoristas do UberX, por exemplo.

Se você fizer uma corrida muito longa em um tempo consideravelmente curto, a Uber poderá cobrar uma taxa acima de 25%, porém, se você fizer uma corrida curta em um tempo acima do normal (em caso de trânsito intenso), a empresa poderá cobrar apenas 1% sobre o valor da sua corrida ou, dependendo do caso, menos de 20% a 15%.

A Uber garantiu que as novas mudanças não diminuirão os ganhos de seus motoristas, mas, pelo contrário, ajudarão aumentar os rendimentos.

Envie o seu comentário!


Ícone de AlertaNão esqueça de voltar aqui para conferir se o seu comentário foi respondido!